terça-feira, 6 de setembro de 2011

12ª Feira da Reforma Agrária oferece rica programação de entretenimento e prestação de serviço à sociedade alagoana

Flyer da 12ª Feira Camponesa. Fonte: Assessoria MST-AL

 A partir de amanhã, dia da "Independência" do Brasil e do tradicional "Grito dos Excluídos" (que foi antecipado para hoje, véspera do feriado), até  11 de setembro (data também famosa, mas que não vale a pena lembrar aqui), acontece a 12ª Feira da Reforma Agrária, realizada pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), na Praça da Faculdade, localizada no Prado, em Maceió-AL. 
A programação é bem diversificada e voltada para toda a população. Além dos produtos orgânicos comercializados a um preço justo pelos trabalhadores rurais, a feira vai fornecer ao público orientações sobre previdência e saúde em rodas de conversas e oficinas.
A feira reflete a capacidade do povo do campo de produzir alimentos de qualidade (ainda mais com tão pouco apoio do Estado) e a viabilidade de uma verdadeira reforma agrária, que parece estar longe de acontecer no Brasil. É impressionante a quantidade de alimentos comercializada nessas feiras livres. Quanto ao preço, não é caro, nem tão barato como muitos esperam. Por que deveria ser muito mais barato que nos super mercados, diante da dificuldade enfrentada pelo povo do campo? Como não passaram pelo atravessador, os produtos vendidos pelos feirantes têm um preço justo.
Pereira da viola. Foto: Sian Sene

O final das tardes conta com um Festival de Cultura Popular, com destaque para a apresentação do violeiro de Minas Gerais, Pereira da Viola, a ser realizada na sexta-feira, 09.

Toda a programação foi construída pelo MST, em parceria com órgãos públicos, como INSS, MDA e Secretaria Estadual de Saúde, contando com oficinas práticas, debates e intervenções artísticas.

Confira programação completa abaixo:

Quarta-feira (07-09-2011)
17h - ABERTURA / Peça “Contos de Cordel” - Cia Fulanos Ih! Cicranos Seresteiros de São Vicente
Trio Gogó da Ema

Quinta-feira (08-09-2011)
ESPAÇO DE CUIDADO POPULAR
7h – 8h Tai Chi Chuan
7h – 8h Benzedeiras
8h – 10h Reiki
16.00h – 17h Acupuntura Auricular
17.10h – 18.10h Massoterapia
TENDA DA EDUCAÇÃO POPULAR E SAÚDE
8h – 12h - Orientação social: SESAU - Diretoria de Promoção à Saúde / MDA – Comitê Estadual de Documentação da Trabalhadora Rural
14:30h – 16h - Roda de Conversa 1: Agroecologia e Saúde - Leandro Benatto (Agrônomo, Centro Zumbi), Cícero Adriano (Havião) (UFAL Arapiraca), Camila Torres da Rocha (GAC UFAL), Felipe Sena e Silva Grupo (EVA/ANEPS), Luiz Marinho dos Santos (EVA/ANEPS)
16:30h – 17:30h - Oficina 1: Fitoterapia Popular
FESTIVAL DE CULTURA POPULAR
17h - Grupo de Capoeira Arte Ligeira
Demis Santana
Atração em negociação

Sexta-feira (09-09-2011)
ESPAÇO DE CUIDADO POPULAR
7h – 8h Tai Chi Chuan
7h – 8h Benzedeiras
8h – 10h Lian Gong
16.00h – 17h Acupuntura Auricular
17.10h – 18.10h Reiki
TENDA DA EDUCAÇÃO POPULAR E SAÚDE
9h – 12h - Orientação social: SESAU - Diretoria de Promoção à Saúde / INSS – Programa de Educação Previdenciária / MDA – Comitê Estadual de Documentação da Trabalhadora Rural
10h – 12h - Roda de Conversa 2: (foco para estudantes, professores/amigos do MST):
Saúde do Campo e Educação Popular em Saúde Kamila (Setor de Saúde/MST), Edna Bezerra (NUSP/UFAL), Suely Nascimento (NUSP/UFAL(, Bruno Fontan (Fórum em Defesa do SUS)
14:30h – 16h - Roda de Conversa 3: Saúde no Campo- Kamila (MST AL), Simone Leite (ANEPS)
FESTIVAL DE CULTURA POPULAR
17h - Afoxé Oju Omi Omorewá
Dona Mariquinha
Pereira da Viola (MG)

Sábado (10-09-2011)
ESPAÇO DE CUIDADO POPULAR
7h – 8h Tai Chi Chuan
7h – 8h Benzedeiras
8h – 10h Reiki
16.00h – 17h Massoterapia
17.10h – 18.10h Lian Gong
TENDA DA EDUCAÇÃO POPULAR E SAÚDE
9h – 12h - Orientação social: INSS – Programa de Educação Previdenciária 
14:30h – 16h - Roda de Conversa 4: Previdência Social para os trabalhadores do campo (INSS/Programa de Educação Previdenciária, CRESS)
16:30h – 17:30h - Oficina 2: Alimento Vivo – Suco de Luz do Sol (Francis Britzky)
                              Oficina 3: Artesanato
FESTIVAL DE CULTURA POPULAR
17h - Raffa Honorato
Quarteto Malacada
Trio Nó Cego



*Lara Tapety, com informações da Assessoria do MST-AL